Êxodo 13

Êxodo 13

O SENHOR Deus disse a Moisés:

— Separe para mim todo primeiro filho. Todo primeiro filho homem dos israelitas e todo primeiro filhote macho dos animais domésticos são meus.

Moisés disse ao povo: — Lembrem deste dia, o dia em que vocês saíram do Egito, onde eram escravos. Este é o dia em que o SENHOR os tirou de lá pelo seu grande poder. Portanto, não comam pão feito com fermento.

Vocês estão saindo do Egito neste dia, no primeiro mês, o mês de abibe.

O SENHOR jurou aos seus antepassados que daria a vocês a terra dos cananeus, dos heteus, dos amorreus, dos heveus e dos jebuseus. É uma terra boa e rica. Quando ele os levar para aquela terra, vocês deverão comemorar essa festa religiosa no primeiro mês de cada ano.

Durante sete dias vocês comerão pão sem fermento; e no sétimo dia haverá uma festa religiosa em honra do SENHOR.

Nesses sete dias vocês comerão pão sem fermento. Em toda a sua terra não deverá haver fermento, nem pão feito com fermento.

Nesse dia vocês contarão aos seus filhos que estão fazendo isso por causa daquilo que o SENHOR fez por vocês quando saíram do Egito.

Essa festa será como um sinal para vocês, como se fosse uma coisa amarrada na mão ou na testa, e os ajudará a lembrarem de recitar e de estudar a lei de Deus, o SENHOR; pois com grande poder ele os tirou do Egito.

Portanto, comemorem essa festa religiosa no dia certo, todos os anos.

— O SENHOR Deus fará com que vocês entrem na terra dos cananeus, conforme ele jurou a vocês e aos seus antepassados. Quando ele lhes der essa terra,

vocês darão ao SENHOR todo primeiro filho homem. Todo primeiro filhote macho também pertencerá a ele.

Mas, se quiserem ficar com o primeiro filhote macho de uma jumenta, ofereçam a Deus um carneiro; se não quiserem, quebrem o pescoço do jumentinho. Fiquem com todo primeiro filho homem de vocês, pagando por ele o preço determinado.

No futuro, quando os seus filhos perguntarem o que isso quer dizer, vocês responderão: “Com grande poder o SENHOR nos tirou do Egito, onde éramos escravos.

Quando o rei do Egito teimou em não nos deixar sair, o SENHOR matou todos os primeiros filhos no Egito, tanto das pessoas como dos animais. É por isso que oferecemos ao SENHOR em sacrifício todo primeiro filhote macho. Mas pagamos o preço determinado para ficar com os nossos primeiros filhos.

Isso será como uma lembrança, como alguma coisa amarrada nas mãos ou na testa. E nos fará lembrar que com o seu grande poder o SENHOR nos tirou do Egito.”

Quando o rei deixou que o povo israelita saísse do Egito, Deus não os levou pelo caminho que vai pelo país dos filisteus, embora fosse o mais curto. Deus pensou assim: “Não quero que os israelitas mudem de idéia e voltem para o Egito, quando virem que terão de guerrear.”

Por isso Deus fez com que o povo desse uma volta pelo caminho do deserto, na direção do mar Vermelho. Os israelitas saíram do Egito armados para guerrear.

Moisés levou o corpo de José, pois José havia feito os israelitas jurarem que fariam isso. Ele tinha dito: “Quando Deus os libertar, levem daqui o meu corpo.”

Os israelitas saíram de Sucote e acamparam em Etã, onde começa o deserto.

Durante o dia o SENHOR ia na frente deles numa coluna de nuvem, para lhes mostrar o caminho. Durante a noite ele ia na frente deles numa coluna de fogo, para iluminar o caminho, a fim de que pudessem andar de dia e de noite.

A coluna de nuvem sempre ia adiante deles durante o dia, e a coluna de fogo ia durante a noite.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *