502 Ó PASTOR BENDITO

1
Ó Pastor bendito, escuta
De Teus filhos a oração,
Cordeirinhos que, na luta,
Dão a Ti seu coração.

2
Cristo Rei, meu soberano,
Faze que ao repousar
Te contemple em brando sono,
E Te busque ao despertar.

3
Graças mil, Pastor amado,
Hoje Teus cordeiros dão,
Pois Tuas mãos, oh! nos têm dado
Que vestir e nosso pão.

4
Pequeninos, Te buscamos,
Esta noite em oração,
Reverentes esperamos,
De manhã ua nova unção. Amém.

Autor: P.L.M Paulo Leivas Macalão

 

CIFRA

Tom: Ré b maior

Db        Gb        Ebm    Ebm      Ddim  Ab   Db
O Pastor bendito, escuta / De Teus filhos a oração,
Db      Gb   Gbm       Db     Bbm   Ab       Db
Cordeirinhos que, na luta, / Dão a Ti seu coração.
   Db             Gb Ebm    Ebm  Ddim      Ab Db
Cristo Rei, meu soberano, / Faze que ao repousar
Db     Gb        Gbm     Db    Bbm     Ab        Db
Te contemple em brando sono, / E Te busque ao despertar.
Db           Gb     Ebm      Ebm Ddlm     Ab    Db
Graças mil, Pastor amado, / Hoje Teus cordeiros dão,
Db         Gb        Gbm      Db    Bbm   Ab           Db
Pois Tuas mãos, oh! nos têm dado / Que vestir e nosso pão.
Db          Gb    Ebm       Ebm  Ddlm     Ab Db
Pequeninos, Te buscamos, / Esta noite em oração,
  Db Gb       Gbm Db    Bbm   Ab            Db Gb/Db Db
Reverentes esperamos, / De manhã u'a nova unção. Amém.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima