Esta cerimônia pode ser realizada durante um culto na Igreja por ocasião da
despedida de um(a) ministro(a), obreiro(a) ou missionário (a).
1. Saudação
2. Leitura responsiva (Sl 1.1-3; S118.30-31; SI 37.5)
Dirigente: Bem-aventurado o homem que não anda no conselho dos
ímpios.
Igreja: Não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda
dos escarnecedores.
Dirigente: Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no
devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha.
Igreja: E tudo quanto ele faz será bem sucedido.
Dirigente: O caminho de Deus é perfeito; a palavra do SENHOR é
provada.
Igreja: Ele é escudo para todos os que nele se refugiam.
Dirigente: Pois quem é Deus, senão o Senhor? E quem é rochedo, senão o
nosso Deus?
Todos: Entrega o teu caminho ao SENHOR, confia nele, e o mais ele fará.
3. Louvor
4. Pregação da Palavra de Deus
O pregador pode basear sua mensagem em um dos seguintes textos: Rm
1.8-17; 1Co 9.19-27; Lc 10.1-12,17-20; ou em outra passagem bíblica de
sua escolha.
5. Oração
6. Despedida

O ministro, obreiro ou missionário que se despede vem à frente da Igreja.
Neste momento, pode ser lido breve relato de seu trabalho no local. Em
seguida, lê-se o texto abaixo: (SI 28.1-2; SI 25.8-10; SI 121)
Dirigente: Eu te amo, ó SENHOR, força minha.
Ministro/Obreiro/Missionário: O SENHOR é a minha rocha, a minha
cidadela, o meu libertador; o meu Deus, o meu rochedo em que me refugio;
o meu escudo, a força da minha salvação, o meu baluarte.
Igreja: Bom e reto é o Senhor, por isso, aponta o caminho aos pecadores.
Dirigente: Guia os humildes na justiça e ensina aos mansos o seu caminho.
Ministro/Obreiro/Missionário: Todas as veredas do SENHOR são
misericórdia e verdade para os que guardam a sua aliança e os seus
testemunhos.
Dirigente: Elevo os olhos para os montes: de onde me virá o socorro?
Ministro/Obreiro/Missionário: O meu socorro vem do SENHOR, que fez
o céu e a terra.
Igreja: Ele não permitirá que os teus pés vacilem; não dormitará aquele
que te guarda.
Ministro/Obreiro/Missionário: E certo que não dormita, nem dorme o
guarda de Israel.
Dirigente: O SENHOR é quem te guarda; o SENHOR é a tua sombra à tua
direita.
De dia não te molestará o sol, nem de noite, a lua.
O Senhor te guardará de todo mal; guardará a tua alma.
O Senhor guardará a tua saída e a tua entrada, desde agora e para sempre.
Amém.
7. Homenagens
8. Bênção (Nm 6.24-26)

Dirigente: O SENHOR te abençoe e te guarde; o SENHOR faça
resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; o SENHOR sobre ti
levante o rosto e te dê a paz.
Igreja: Amém.

FONTE: BÍBLIA DO OBREIRO