Mal súbito caracterizado por dores violentas na região do tórax, que
geralmente ocorrem durante esforços físicos intensos ou no decurso
do trabalho digestivo. As pontadas
se estendem do peito para o braço
esquerdo e costumam desaparecer
rapidamente quando o paciente é
colocado em repouso. Suas causas
mais comuns são: ANEMIA),
ARTRITISMO, ATEROSCLEROSE
, HIPERTENSÃO,
SÍFILIS e insuficiência de
irrigação sanguínea no coração. O
paciente deve permanecer em repouso absoluto até que possa ser
atendido por um médico especialista. De modo geral, as pessoas
que sofrem das doenças causadoras da angina do peito devem procurar orientação médica sempre
que decidirem praticar atividades
que exijam esforço físico acima do
comum; devem também evitar alimentos gordurosos (carnes, manteiga, margarina, frituras etc) e o
sedentarismo. E muito importante o
controle sobre os níveis de colesterol
no sangue e da pressão arterial.
Nas refeições do paciente devem
estar incluídos no mínimo dois dos
seguintes alimentos: levedo de cerveja, cebola, alho, acelga, agrião,
repolho, couve, salsa; maçã, banana, pêra, mamão e uva. Observação: Não é recomendável misturar
numa refeição, frutas com legumes,
vegetais e alguns tipos de cereais.

TRATAMENTOS
Hortaliças
Alface Chá dos talos amassados (60 g para 1 litro de água). Tomar 4 xícaras ao dia.

Couve • Extrair o suco, adicionar mel de abelhas e ferver em fogo
brando até adquirir consistência de xarope. Tomar 6 colheres (sopa) ao dia.

Frutas (tratamento preventivo)
Abacaxi • Refeições exclusivas 3 vezes por semana.*
Maçã • Cataplasma local de maçã ralada durante 1 hora, 2 vezes
ao dia.
• Refeições exclusivas de maçãs 3 vezes por semana.*
Pêra • Refeições exclusivas de pêras 3 vezes por semana.*

Plantas
Alecrim • Chá das folhas (20 g para 1 litro de água). Tomar 3 xícaras
ao dia.
Cavalinho • Chá das folhas (20 g para 1 litro de água). Tomar 3 xícaras
ao dia.
Erva-cidreira e Laranjeira • Chá combinado (30 g para 1 litro de água).
Tomar 4 xícaras ao dia.

FONTE: Medicina Alternativa De A a Z

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *